Revista Adolescência e Saúde

Revista Oficial do Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente / UERJ

NESA Publicação oficial
ISSN: 2177-5281 (Online)

Vol. 14 nº 4 - Out/Dez - 2017

Artigo Original Imprimir 

Páginas: 106 a 112

Fatores associados ao excesso de peso em adolescentes escolares da rede pública da área urbana de Rio Branco - AC

Factors associated with overweight in school adolescents in the urban area of Rio Branco - AC



Autores: Jailza Gomes Furtado Pinheiro Teles1; Orivaldo Florencio de Souza2

PDF Português            

Descritores: Sobrepeso, obesidade, índice de massa corporal, estilo de vida sedentário, adolescente.
Keywords: Overweight, obesity, body mass index, sedentary lifestyle, adolescent.

Resumo:
OBJETIVO: Analisar os fatores associados ao excesso de peso em adolescentes de escolas da rede pública de Rio Branco, Acre, Brasil.
MÉTODOS: Estudo transversal com 951 adolescentes de escolas públicas da área urbana. Foram coletadas informações sociodemográficas, familiares e comportamento sedentário por meio de questionário auto respondido. A classificação de excesso de peso seguiu as recomendações da Organização Mundial da Saúde (2007). Foram calculadas as prevalências, razão de chance e seus respectivos intervalos de confiança em 95%. Identificou-se os fatores associados ao excesso de peso por regressão logística binária múltipla.
RESULTADOS: A prevalência geral de excesso de peso total foi 18,93%, sendo 20,3% para o sexo feminino e 17,43% para o masculino. Os fatores associados ao excesso de peso foram ser filho único (Odds Ratio [OR]:1,38; Intervalo de Confiança [IC]:1,09-1,76), uso de computador (OR:1,54; IC:1,27-1,86), assistir TV e jogar vídeo game (OR:1,30; IC:1,07-1,57) durante a semana por mais de duas horas diárias.
CONCLUSÃO: O fator excesso de peso apresentou elevada prevalência em adolescentes de escolas públicas de Rio Branco, Acre, Brasil, onde houve associação de comportamento sedentário com excesso de peso.

Abstract:
OBJECTIVE: Analyze the associated factors with excess body weight in adolescents from Rio Branco, Acre, Brazil.
METHODS: Cross-sectional study with 951 public school teens living in an urban area. Sociodemographic, family information and sedentary behavior data were collected through a self-administered questionnaire. Teens with excess body weight were classified based on World Health Organization growth standards (2007). Were calculated the prevalence, Odds Ratio (OR) and its confidence intervals (CI) in 95%. We also identified the factors associated with overweight by multiple binary logistic regression.
RESULTS:The prevalence of body weight excess was 18.93%, in which 20.3% was for female and 17.43% for male. The body weight excess associated factors were being an only child (OR: 1,38; CI: 1,09-1,76) and computer use (OR:1,54; CI:1,27-1,86), and watch the TV and play videogame (OR:1,30; CI:1,07-1,57) for more than two daily hours in weekdays.
CONCLUSION: Body weight excess prevalence was high in adolescents from public school of Rio Branco, Acre, Brazil, where sedentary behaviour was associated with body weight excess.

<<<<<<< .mine

GN1 © 2004-2018 Revista Adolescência e Saúde. Fone: (21) 2868-8456 / 2868-8457
Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente - NESA - UERJ
E-mail: secretaria@adolescenciaesaude.com