Revista Adolescência e Saúde

Revista Oficial do Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente / UERJ

NESA Publicação oficial
ISSN: 2177-5281 (Online)

Vol. 16 nº 1 - Jan/Mar - 2019

Artigo Original Imprimir 

Páginas: 69 a 76

Influência do índice de massa corporal e nível de atividade física na força muscular respiratória e função pulmonar de adolescentes

Influence of body mass index and level of physical activity on respiratory muscle strength and lung function of adolescents



Autores: Viviane Soares1; Péricles Soares Bernardes2; Felipe Carlos Santos Batista3; João Martins de Oliveira Filho4; Daniella Alves Vento5; Patrícia Espindola Mota Venâncio6

PDF Português            

Descritores: Adolescente; Obesidade; Músculos Respiratórios; Capacidade Vital; Volume Expiratório Forçado.
Keywords: Adolescent; Obesity; Respiratory Muscles; Vital Capacity; Forced Expiratory Volume.

Resumo:
OBJETIVO: Avaliar a função respiratória e verificar se o índice de massa corporal (IMC) e o nível de atividade física (NAF) influenciam a força muscular e a função pulmonar de adolescentes.
MÉTODOS: Estudo transversal com 123 adolescentes com faixa etária entre 13-18 anos. Os adolescentes foram classificados em dois grupos de acordo com o IMC. O IMC foi calculado e as variáveis mensuradas foram: circunferência de cintura, parâmetros de bioimpedância, massa livre de gordura e gordura corporal. O NAF foi estimado por instrumento específico, a força muscular respiratória (pressão inspiratória máxima-Pimáx e expiratória máxima-Pemáx) pela manovacuometria e a função pulmonar pela espirometria (capacidade vital forçada-CVF, volume expiratória forçado no primeiro segundo-VEF1 e VEF1/CVF).
RESULTADOS: A prevalência de excesso de peso foi de 26,8%. O NAF não teve diferença significativa entre os grupos (p=0,69). A Pimáx (p=0,007) e a CVF (p=0,005) foram maiores nos adolescentes com excesso de peso e a relação VEF1/CVF foi inferior (p=0,001). A regressão múltipla mostrou que o IMC e o NAF ajustados pelo sexo, idade e maturidade sexual foram preditores de Pimáx, explicando a relação em 30% e da VEF1/CVF em 9%. O IMC foi preditor do VEF1 (R2 ajustado=48%, p=0,001), CVF (R2ajustado=51%).
CONCLUSÃO: Os adolescentes com excesso de peso apresentaram Pimáx e CVF maior e a relação VEF1/CVF for menor. Acredita-se que o NAF e o IMC influenciam diretamente na força muscular respiratória e função pulmonar em adolescentes.

Abstract:
OBJECTIVE: Evaluate the respiratory function and verify if the BMI and the NAF influence the muscle strength and the pulmonary function of adolescents.
METHODS: A cross-sectional study with a sample of 123 adolescents aged 13-18 years. Adolescents were classified into two groups according to BMI. The BMI was calculated and variables measured were: waist circumference, bioimpedance parameters (resistance, reactance and phase angle), fat free mass and body fat. The physical activity level (PAL) was estimated by specific instrument, respiratory muscle strength (maximum inspiratory pressure-´MIP and maximum expiratory-MEP) by manovacuometry and pulmonary function by spirometry (forced vital capacity-FVC, forced expiratory volume in the first second-FEV1 and FEV1/FVC).
RESULTS: The prevalence of overweight was 26.8%. PAL had no significant difference between groups (p = 0.69). Pimáx (p = 0.007) and FVC (p = 0.005) were higher in overweight adolescents and the FEV1/FVC ratio was lower (p = 0.001). Multiple regression showed that BMI and NAF, adjusted for gender, age and sexual maturity were predictors of Pimáx, explaining the relationship in 30% and FEV1/FVC in 9%. The BMI was a predictor of FEV1 (R2 adjusted=48%, p=0.001), FVC (R2 adjusted = 51%).
CONCLUSION: Overweight adolescents presented higher Pimáx and FVC, while FEV1/FVC ratio was lower. It is believed that PAL and BMI directly influence respiratory muscle strength and lung function in adolescents.

<<<<<<< .mine

GN1 © 2004-2019 Revista Adolescência e Saúde. Fone: (21) 2868-8456 / 2868-8457
Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente - NESA - UERJ
Boulevard 28 de Setembro, 109 - Fundos - Pavilhão Floriano Stoffel - Vila Isabel, Rio de Janeiro, RJ. CEP: 20551-030.
E-mail: revista@adolescenciaesaude.com