Revista Adolescência e Saúde

Revista Oficial do Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente / UERJ

NESA Publicação oficial
ISSN: 2177-5281 (Online)

Vol. 16 nº 2 - Abr/Jun - 2019

Artigo Original Imprimir 

Páginas: 38 a 46

Perfil sociodemográfico de adolescentes privadas de liberdade no interior do Estado de São Paulo

Sociodemographic profile of adolescents deprived of their liberty in the interior of the State of São Paulo



Autores: Fernanda Augusta Penacci1; Carmen Maria Casquel Monti Juliani2; Guilherme Côrrea Barbosa3

PDF Português            

Descritores: Adolescente, Adolescente institucionalizado, Saúde Pública.
Keywords: Adolescent, Institutionalized adolescents, Public health.

Resumo:
OBJETIVO: Descrever o perfil sociodemográfico da população adolescente feminina privada de liberdade no interior do Estado de São Paulo.
MÉTODOS: Resumo de tese de doutorado em saúde coletiva, cujo estudo transversal foi realizado com base em dados secundários de dois Centros de Atendimento Socioeducativo Femininos no município de Cerqueira César, Estado de São Paulo. Foram analisadas 374 adolescentes na faixa etária de 12 a 21 anos incompletos, no período de janeiro 2015 a fevereiro de 2016. A amostra foi descrita através de diferentes parâmetros como: mediana, mínimo, máxima e estimativa de percentuais. Para análise estatística foi utilizado o Software SPSS® versão 21.0.
RESULTADOS: A idade média das adolescentes foi de 17 anos de idade com predominância da cor de pele parda. Observou-se que 69,8% das adolescentes possuem ensino fundamental e a evasão escolar foi de 92%. Poucas adolescentes exerciam atividade remunerada (21,4%) antes de entrarem na Fundação e a maioria possui passagens pelo Conselho Tutelar (64,7%). A média de membros na família é de quatro pessoas; 53% delas vivem com os pais e 31,4% possuem união estável. A renda familiar média foi de R$1.576,00. A Rede Regional de Atenção à Saúde 12 concentra a maior parte das adolescentes.
CONCLUSÃO: Há necessidade da celeridade das políticas públicas e coesão com as necessidades da população feminina, associadas com a afirmação de que os programas de atendimento aos adolescentes, em geral, as mantém distantes e passivas de suas noções de saúde, educação, desenvolvimento pessoal e social.

Abstract:
OBJECTIVE: Describe the sociodemographic profile of the adolescent female population deprived of liberty in the interior of the State of São Paulo.
METHODS: Compedium of a PhD thesis in collective health, whose cross-sectional study was carried out with secondary data in the two Centers for Socio-educational Assistance for Women in the city of Cerqueira César, State of São Paulo. 374 adolescents were analyzed in the age group from 12 to 21 years old of age, from January 2015 to February 2016. A description of the population was performed by means of summary measures: median, minimum and maximum and percentage estimates. For statistical analysis SPSS® software version 21.0 was used.
RESULTS: The adolescent's mean age was 17 years old, with the predominance of brown skin color. It was observed that 69.8% of the adolescents have elementary education and school dropout was 92%. Few adolescents were employed (21.4%) before entering the Foundation and most of them had passages through the Guardianship Council (64.7%). The average family member is of four people; 53% of them live with their parents and 31.4% have a stable union. The average family income was R $ 1,576.00. The Regional Network for Health Care 12 concentrates the majority of adolescents.
CONCLUSION: There is a demand for speed of the public policies and cohesion with the needs of the female population, associated with the affirmation that the programs for the adolescent's care, in general, keep them distant and passive of their notions of health, education, personal and social development.

<<<<<<< .mine

GN1 © 2004-2019 Revista Adolescência e Saúde. Fone: (21) 2868-8456 / 2868-8457
Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente - NESA - UERJ
Boulevard 28 de Setembro, 109 - Fundos - Pavilhão Floriano Stoffel - Vila Isabel, Rio de Janeiro, RJ. CEP: 20551-030.
E-mail: revista@adolescenciaesaude.com